FANDOM


Gambit (Remy LeBeau) (Terra-616) Batalhas Galeria Armas Frases
Gambit
Astonishing X-Men Vol 4 4 Character Variant Textless
Galeria

Nome Real

Remy Etienne LeBeau

Codinome(s)

Gambit, Le Diable Blanc,Morte, Gumbo, Cajun

Primeira Aparição

Fabulosos X-Men Anual Vol 1 1990 (julho, 1990)

Apelidos

Robert Lord, Dirge, Rato de Pântano; Clint Barton, "Gamby Baby"

Relacionados

Jacques LeBeau (avô adotivo, morto);
Rochelle LeBeau (avó morta, possivelmente morta);
Jean-Luc LeBeau (pai adotivo);
Henri LeBeau (irmão adotivo, morto);
Mercy LeBeau (cunhada);
Sra. LeBeau-Marceaux (tia adotiva);
Rouler Marceaux (avô por parte de esposa);
Belize Marceaux (tio adotivo);
Theoren Marceaux (primo adotivo);
Etienne Marceaux (prima adotivo, morta);
Sra. LeBeau-Lapin (tia adotivo);
Emil Lapin (primo adotivo);
Bella Donna Boudreaux (ex-esposa);
Marius Boudreaux (ex-sogro, morto);
Julien Boudreaux (ex-cunhado, morto)

Nome Original

Gambit

Criadores


Características

Espécie

mutante

Olhos

Esclera preta com pupilas vermelhas

Cabelos

Rútilo (brevemente branco)

Gênero

masculino

Altura

1.88 m

Peso

81 m

Acessórios

Íris vermelhas e esclera preta


Status

Alinhamento

bom

Identidade

secreta

Cidadania

americana

Status Material

divorciado, ativo

Ocupação

Aventureiro, Ladrão Profissional; anteriormente professor

Educação



Origem

Universo

Terra-616

Local de Nascimento

Nova Orleans, Louisiana


HISTÓRIAEditar

Liga dos LadrõesEditar

Remy LeBeau é um mutante que foi treinado para ser o líder da Liga dos Ladrões. Abandonado no nascimento devido a seus ardentes olhos vermelhos, a criança que um dia se tornaria Remy LeBeau foi sequestrada da enfermaria do hospital por membros da Liga dos Ladrões de Nova Orleans, os quais se referia à criança como "le diable blanc" - o demônio branco. Eles acreditavam que ele era a criança que havia sido profetizado a se unir as Ligas em guerra. Logo depois, Remy foi colocado sob os cuidados de uma gangue de ladrões de rua, os quais cuidaram da criança e lhe ensinaram as formas de roubo.

Mais tarde, quando ele tinha cerca de dez anos, Remy tentou roubar o bolso de Jean-Luc LeBeau, o patriarca da Liga dos Ladrões. Jean-Luc tirou o menino das ruas e o adotou em sua própria família. Como parte de um pacto de paz entre a Liga dos Ladrões e seus rivais, a Liga dos Assassinos, um casamento foi arranjado entre Remy e Bella Donna Boudreaux, a neta do chefe da Liga dos Assassinos. No entanto, o irmão de Bella Donna, Julien, se opôs ao casamento e desafiou Gambit para um duelo. Remy matou Julien em auto-defesa, mas foi excomungado e banido de Nova Orleans em uma tentativa de manter o pacto de não agressão entre as duas ligas.

Massacre MutanteEditar

Remy vagou pelo mundo utilizando suas habilidades como ladrão, ajudado pelo seu poder mutante de carregar objetos com energia explosiva. Ele começou a utilizar cartas carregadas com energia cinética como sua arma principal. Em certo ponto, Remy havia abordado o mestre geneticista Sr. Sinistro para ajudar no controle de seus poderes. Sinistro removeu alguns tecidos cerebrais de Remy para reduzir seus níveis de poder, proporcionando-lhe assim um maior grau de controle.

Como resultado, Remy estava agora em dívida com o geneticista, e Sinistro posteriormente cobrou do ladrão, montando uma equipe de assassinos chamados de Carrascos. Remy não sabia que Sinistro utilizaria os Carrascos para massacrar a comunidade mutante subterrânea conhecida como Morlocks. Vendo os resultados horríveis de suas ações, Remy tentou parar o massacre, mas quase foi morto pelo Carrascos chamado Dentes de Sabre. No entanto, ele conseguiu salvar uma jovem menina Morlock que um dia iria crescer até se tornar uma X-Man chamada Medula.

X-MenEditar

Eventualmente, Remy encontrou Tempestade, um membro da equipe fora da lei de aventureiros mutantes conhecidos como X-Men. Tempestade tinha sido transformada em uma criança amnésico que havia começado a roubar como um meio de sobreviver. Remy a ajudou a escapar de seu inimigo, a entidade maléfica psíquica conhecida como o Rei das Sombras , e eles se tornaram parceiros. Mais tarde, quando o fundador dos X-Men, Professor Charles Xavier, retornou de uma longa viajem no espaço, Tempestade foi responsável pela admissão de Remy nos X-Men.

Remy logo se apaixonou por sua companheira X-Man, Vampira, abençoada e amaldiçoada com a habilidade de absorver os pensamentos e as habilidades dos outros mutantes através do contato pele-a-pele. O sentimento era mútuo, mas as duas almas gêmeas estavam condenadas a nunca se tocar.

Em um futuro alternativo, a mais de 70 anos a partir de agora, onde o X-Man Bispo nasceu, Remy havia aparentemente se tornado uma figura idosa chamado de a Testemunha, assim chamada porque ele havia aparentemente testemunhado a traição dos X-Men por um dos seus próprios membros. Também acreditava-se que ele era o último sobrevivente dos X-Men. Ao se juntar aos X-Men, Bispo suspeitava que Remy era o traidor, até que se descobriu que a fusão das mentes de Xavier e Magneto haviam gerado a corrupta entidade psíquica conhecida como Massacre, o verdadeiro traidor.

Em certo ponto, Vampira deixou os X-Men depois de beijar Remy, confusa e assustada com as memórias que ela havia absorvido dele.

Remy foi posteriormente capturado e trazido diante de um julgamento realizado por Magneto, o mutante mestre do magnetismo, disfarçado como Erik, o Vermelho. Ele foi sumariamente expulso dos X-Men e foi abandonado nas planícies geladas da Antártica por Vampira. Quase morrendo de fome, Remy fez o seu caminho de volta para cidadela de Magneto onde ele se encontrou com a essência psíquica de uma mutante morta chamada Mary Purcell.

O espirito de se uniu a ele, o que lhe permitiu sobreviver até chegar a Terra Selvagem, uma selva escondida no deserto gelado. Lá, Remy fez um acordo com o ser enigmático conhecido como o Novo Filho. Em troca da passagem de volta para a América, Remy concordou em realizar tarefas para o Novo Filho.

Remy retornou para casa e se encontrou com os X-Men novamente quando ele tentou roubar a lendária Joia Escarlate de Cyttorak para seu novo empregador. Ele concordou em retornar à equipe, principalmente por sua auto-estima e seu amor por Vampira. No entanto, Mary começou a ameaçar Remy e seus amigos se ele não concordasse em ficar com ela para sempre. Quando os X-Men finalmente descobriram sobre Mary, o fantasma fugiu com Remy para sua velha cidade natal, onde ela tentou forçá-lo a se fundir com ela e se tornar um novo tipo de forma de vida híbrida. Enquanto Remy lutava com ela, Vampira chegou com uma unidade de contenção, a qual acabou dispersando Mary.

Durante uma viagem de volta no tempo, os poderes de Remy foram restaurados ao seu potencial máximo por Sinistro e ele foi capaz de utilizá-los para retornar ao presente. Logo após seu retorno, Remy serviu por um tempo como o patriarca da Liga dos Ladrões, no lugar de seu pai, bem como liderou uma das duas equipes de X-Men. Remy também foi responsável pela unificação das Ligas dos Ladrões e Assassinos na Liga Unificada, da qual ele também atuou brevemente como patriarca.

Enquanto isso, o Novo Filho revelou sua verdadeira natureza após organizar um jogo de assassinato para um grupo de mercenários super-poderosos com Remy como o alvo. Quando Remy levou a luta de volta para o Novo Filho, ele ficou chocado ao saber que o Novo Filho era na verdade uma versão de realidade alternativa de si mesmo.

Em sua própria realidade, os poderes de carga cinética do Novo Filho haviam ficado fora de controle, queimando o mundo e matando a todos. Como resultado, o Novo Filho caçou e matou versões de si mesmo em outras realidades para garantir que elas não repetiriam seus erros. Durante sua batalha final, Remy liberou seus poderes melhorados para derrotar o Novo Filho, terminando sua ameaça e devolvendo seus poderes ao seu nível normal.

X-Treme X-MenEditar

Remy foi mais tarde acusado pelo empresário mutante Sebastian Shaw pela morte do chefão do crime australiano chamado Viceroy. Com a ajuda de Vampira, sua equipe de X-Treme X-Men e o Lótus Escarlate, Remy foi capaz de limpar seu nome. Logo depois, Remy se envolveu na luta dos X-Treme X-Men contra uma invasão alienígena. Ele foi capturado e usado como uma fonte de energia para os invasores para abrir um portal que permitiria a sua frota de invasão passasse e completasse a conquista da Terra. O processo foi interrompido pelo vilão enigmático conhecido como Vargas, o qual enfiou sua espada no peito de Remy. Remy sobreviveu, mas descobriu que ele havia perdido suas habilidades mutantes. Como resultado, ele e Vampira, a qual também havia perdido seus poderes, procuraram viver uma vida normal juntos e se aposentaram dos X-Men.

No entanto, por mais que tentassem, uma vida normal não servia para eles, sendo que eles logo se envolveram em uma luta dos X-Treme X-Men contra o predador mutante Elias Bogan. Depois de Bogan ser derrotado, a X-Man chamada Sábia usou sua habilidade mutante para dar um "empurrão" nos poderes mutantes de Remy e ele retornou à equipe.

O relacionamento de Gambit com Vampira passou por dificuldade quando Mística se passou por uma aluna chamada 'Foxx' e tentou seduzi-lo.

Cavaleiro do ApocalipseEditar

Quando Apocalipse veio para a Terra depois dos eventos do Dia-M, Gambit se juntou a ele, e tornou-se a Morte. A transformação mudou sua mente e corpo, alterando a sua intenção original de assegurar a proteção dos X-Men contra Apocalipse. No entanto, grandes porções de seu antigo eu parecia estar intacta, sendo que a Morte IV afirmou que ele era "tanto a morte como Gambit". Ele também se lembrou de Vampira e seu amor por ela. Apocalipse notou que Gambit estava tentando trazer a paz para suas duas metades.

Gambit foi deixado inconsciente e levado por Solaris (que havia se tornado a Fome IV, mas havia vencido a mudança). Gambit acordou em um templo no Japão, onde Solaris o encorajou a abandonar seu mestre Apocalipse, os X-Men, e seu passado. Para fazer isso, eles lançaram um ataque contra a Mansão X para recuperar o outro cavaleiro, Polaris. Remy mostrou a sua vontade de abandonar seu passado quando ele tentou assassinar Vampira. No entanto, o ataque falhou e eles se retiraram para o templo budista no Japão, onde foram recebidos pelo Sr. Sinistro.

Gambit, como parte dos Carrascos, voltou a tentar destruir os X-Men, mas de volta ao seu estado físico normal. Gambit e Solaris encontraram Cable na ilha recentemente evacuada de Providência. Gambit e Solaris atacaram Cable, causando grandes danos nele e o obrigando a se retirar para o sistema de computador da ilha. Gambit e Solaris aparentemente queriam informações do computador, por razões desconhecidas. Cable consequentemente ativou uma sequência de auto-destruição. Gambit e Solaris escaparam.

Gambit permaneceu como um membro dos Carrascos, se juntando a eles no Alaska para lutar contra os Purificadores pela criança mutante. Gambit e Solaris não encontraram nenhum problema em assassiná-los, mas logo tiveram que evacuar quando Cable e o Predador X apareceram.

Bishop mais tarde acabou por ser o traidor que ele sempre quis alertar aos X-Men sobre, já que ele sabia que o bebê era uma ameaça. Gambit, ao lado dos Carrascos, foram capazes de salvar o bebê dele depois que ele emboscou Forge e Cable. Gambit, mesmo em sua forma atual, achou bastante irônico que Bishop havia de fato traído os X-Men. Depois de pegar o bebê, Mística decidiu usá-lo para curar Vampira, mas não antes de assassinar Sinistro. Gambit, agora livre de sua influência, não sabia o que fazer, mas decidiu ficar e proteger Vampira dos combates que viriam.

Após a luta contra os Carrascos pela criança, Gambit seguiu seu próprio caminho para redescobrir a si mesmo.

De Volta com os X-MenEditar

Gambit tomou algum tempo para si mesmo após os eventos que aconteceram. Ele se encontrou com Charles Xavier, o qual estava tentando reconstruir sua mente quando Shaw estava atacando e tentando matá-lo e as outras crianças que possam ter tido contato com Sinistro no passado. Gambit decidiu permanecer como protetor de Xavier.

Depois de terem impedido Shaw de ressuscitar Sinistro (ou assim eles pensavam), Gambit seguiu seu próprio caminho, ainda que muitas vezes ajudando Xavier em sua auto-descoberta. Mais tarde, ele se juntou a ele na Austrália para ajudar Vampira e Xavier finalmente foi capaz de ajudá-la a superar seus poderes, para que ela pudesse os controlar corretamente. Depois disso, Vampira estava hesitante em continuar seu relacionamento com Remy, mas eles compartilharam um beijo.

Durante os eventos de Utopia, Xavier, Vampira e Perigo decidiram voltar para os X-Men e ajudá-los com os motins. Gambit decidiu se juntar a eles, mas percebeu que o resto dos X-Men estavam encontrando dificuldade para aceitá-lo novamente após os eventos que ocorreram. Seus piores temores se tornaram realidade quando Remy descobriu que ele estava tendo problemas para ficar.

Durante uma missão para resgatar Magia do Limbo, Gambit foi completamente assumido por sua Personalidade da Morte. Como Morte, Gambit decidiu conquistar o Limbo, usando um poder até então não utilizado para corromper outras criaturas - mesmo os habitantes demoníacas do Limbo - em seus servos. Gambit lutou contra os outros X-Men que o acompanhavam, convertendo Estrela Polar e Cristal em seus servos. O resto dos X-Men conseguiram derrotar Gambit e seus servos corrompidos no entanto, pois Gambit por pouco conseguiu recuperar o controle de sua Personalidade da Morte, a qual prometeu voltar.

Quando Marius St Croix, vulgo Sangria, retornou para encontrar novas vítimas para se alimentar, Vampira se ofereceu para se aventurar em sua fortaleza, a fim de resgatar Bling que havia sido levada cativa por Sangria. Gambit ficou irritado com isso e culpou Ciclope. Durante uma discussão entre eles, a personalidade da Morte de Gambit mais uma vez começou a vir à tona e agora com medo de si mesmo e do crescente poder dentro dele, ele se isolou. Mais tarde, ele foi procurado por Olhos Vendados, a qual teve uma visão com Gambit, Satânico e Legião, sendo que ela previu que um deles iria causar grandes danos aos X-Men. Depois de falar com a personalidade da Morte de Gambit, a qual expressa seu desejo de ser livre de sua prisão na mente de Gambit, ela determina que ele não é a ameaça mais imediata, a qual acaba por ser uma das personalidades de Legião que enlouqueceu.

CismaEditar

Após a cisma entre Wolverine e Ciclope fazer com que Wolverine parta e reforme a escola Westchester, Gambit decidiu aceitar a sua oferta para se juntar a ele, declarando que ele já tinha feito tudo o que havia para fazer no oeste e ele podia muito bem se dirigir para o leste. Ele assumiu uma posição de professor na Escola Jean Grey.

Vingadores vs X-MenEditar

Gambit apoiou seus companheiros mutantes neste conflito, mas inicialmente se recusou a se juntar à batalha, em vez disso se voluntariando para ficar na escola para manter os alunos seguros. Quando o Falcão, a Mulher-Hulk e o Cavaleiro da Lua chegaram na escola para se certificar de que nenhum deles se juntariam à batalha, Gambit expressou seu desagrado com a situação. Depois de a Mulher-Hulk feriu gravemente um casal de estudantes que atacaram ela, os confundindo com monstros, os X-Men atacaram e derrotaram eles. Depois da batalha, Gambit decidiu se juntar à guerra contra os Vingadores. Depois que o Quinteto Fênix começou a perder o controle de si mesmos devido aos Vingadores, Gambit e os outros X-Men decidiram ficar do lado dos Vingadores em uma tentativa de livrar seus amigos da Fênix. Eles acabaram tendo sucesso.

De Volta ao Mundo dos LadrõesEditar

Gambit retornou a seus hábitos de ladrão, realizando assaltos durante seu tempo livre longe dos X-Men. Enquanto roubava do chefão do crime Borya Cich, Gambit descobriu um artefato antigo que começou a escavar em seu peito. Não tendo conseguido remover o dispositivo incorporado, Gambit decidiu procurar o segredo por trás dele. Ao procurar a história do dispositivo, Gambit se encontrou com uma ladra misteriosa que também estava tentando descobrir os segredos do dispositivo. Gambit e a ladra, Joelle , então viajaram para a Guatemala em busca de uma cidade escondida que continha a outra metade do dispositivo. Quando eles encontraram a outra metade do dispositivo, a peça saiu do peito de Gambit e começou a abrir um portal, do qual serpentes aladas gigantes começaram a surgir.

X-Factor CorporativaEditar

Enquanto realizava um assalto para "libertar" um artefato antigo de um rico colecionador, Gambit foi confrontado por Wolverine, o qual acompanhou Gambit para fora e o disse que os seus roubos eram inaceitáveis, já que ele tinha deveres como um X-Man. Enquanto bebia em um bar, Gambit foi abordado por Polaris, a qual lhe ofereceu um lugar na nova equipe X-Factor que ela estava liderando, em nome das Indústrias Serval. Apesar de suas suspeitas em relação ao suposto altruísmo da Serval, e seu CEO Harrison Snow, bem como do outro membro da equipe Mercúrio, Gambit concordou em se juntar à equipe.

PODERES E HABILIDADESEditar

PoderesEditar

Gambit é um mutante: Aceleração Molecular: Remy possui o poder de retirar a energia potencial armazenada em um objeto e convertê-la em energia cinética, assim "carregando" o item com resultados explosivos. Ele prefere carregar objetos menores, como as cartas de baralho que ele sempre utiliza, já que o tempo necessário para carregá-las é muito menor e elas são muito mais fáceis de se jogar. A única limitação real a esta capacidade é o tempo necessário para carregar o objeto. Quanto maior o item, mais tempo leva. Ele pode carregar uma pedra do tamanho de uma pequena casa em questão de segundos.

A maioria das cargas ocorre através do contato direto da pele. O poder das suas explosões depende da massa do objecto que está sendo carregado, por exemplo, uma carta carregada explode com a força de uma granada. Gambit também pode usar seus poderes para acelerar a energia cinética de um objeto, em vez de converter sua energia potencial, por exemplo, ele pode carregar seu bastão com poder o suficiente para nivelar uma casa. Sua habilidade também lhe permite afetar sua própria capacidade de curar, mas isso raramente é visto, ele também usou seu poder para acelerar material orgânico em algumas ocasiões, tanto para os fazer explodir como para melhorar as suas próprias capacidades físicas.

Esses poderes foram aumentados uma vez pela Sábia para permitir que ele acelerasse o seu próprio processo de regeneração e controlasse melhor o seu deslocamento cinético, e novamente por Faiza quando ele foi baleado na cabeça por um senhor do crime e cuspiu a bala de volta para ele, a qual o eviscerou.

  • Habilidade de Corte: Objetos carregados também pode ter uma lâmina, emitindo um fluxo energizado que pode cortar através de objetos ou funcionar como um cortador de biscoitos explosivo por energiar em torno de onde quer que Gambit deseje e o fazer explodir inofesivamente.
  • Dissolução: Gambit também pode fazer objetos se separarem, em vez de os fazer explodir violentamente, os fazendo derreter sem causar danos a nada. Ele já focou sua energização em dissolver estilhaços no estômago de uma vítima e às vezes sendo capaz de sobrecarregar detritos caindo de prédios em ruínas. Seu controle sobre isso tem aumentado ao ponto que ele pode quebrar o gelo em que ele estava preso sem o explodir.
  • Rompimento: Gambit pode usar sua aceleração explosiva para embaralhar temporariamente a consciência sensorial de uma pessoa, os deixando inconsciente.
  • Condição Aprimorada:: A habilidade de Gambit de utilizar energia também lhe concede velocidade, força, reflexos, reação, flexibilidade, destreza, coordenação, equilíbrio e resistência sobre-humanos por energizar a si mesmo. Isso o concede uma vantagem adicional, o que ele tem usado em sua vantagem através do desenvolvimento de um estilo único de luta acrobática. Ele também poder aprimorar a condição dos outros, tendo uma vez acelerado Sebastian Shaw para o enviar através das máquinas de Sinistro.
    • Regeneração Acelerada: Gambit tem afetado sua própria recuperação através deste processo, uma vez tendo se curado após a remoção de um pedaço de ferro alojada em seu peito. Uma vez seus olhos foram danificados por um carta carregada que explodiu em seu rosto e a Sábia aumento seus poderes, permitindo que ele restaurasse sua visão.
  • Interferência Estática: Ele poder criar estática natural, por causa da energia potencial carregada sempre em seu corpo, a qual protege sua mente contra a invasão de telepatas. Ele pode aumentar o efeito, segurando um objeto carregado perto de sua cabeça. Embora supostamente desconfortável para as partes envolvidas, esta defesa não previne totalmente a invasão telepática.
  • Emissão de Vibração: Gambit, através da aceleração cinética, pode emitir uma onda de choque acompanhada por um clarão brilhante que deixa uma cratera considerável no chão.

Charme Hipnótico: Talentos psiônicos subliminares canalizados através de sua voz permite uma influência sutil sobre qualquer mente consciente. Este poder permite que Gambit obrigue os outros a acreditar no que ele diz e a concordarem com qualquer coisa que ele sugira. Mentes mais poderosas têm se mostrado imunes ao charme de Gambit, e as pessoas que estão conscientes do que ele está fazendo podem resistir aos efeitos.

Poderes da Semente da Morte: Como o Cavaleiro da Morte, Remy recebeu novas habilidades e uma nova aparência. Sinistro supostamente removeu a influência de Apocalipse sobre Gambit, mas a personalidade e a aparência da Morte ressurgiram de forma intermitente durante vários meses. Já faz algum tempo desde a última reversão de Gambit em Morte, mas os poderes de Morte nunca foram explicitamente removidos.

  • Transmutação Tóxica: Como Morte, ele tem a habilidade de converter o ar respirável em gases venenosos. Ele pode tanto criar nuvens do ar do ambiente, ou transmutar o oxigênio já dentro nos pulmões de alguém.
  • Energização da Morte: Como Morte, Gambit pode carregar objetos de uma maneira diferente do que sua carga cinética normal. Esta "energização da morte" fez com que suas cartas quebrassem a matéria viva ao entrar em contato com ela, desintegrando totalmente sua vítima.
    • Aprisionamento em Carta: Também como Morte, ele podia aprisionar aqueles acertados por suas cartas, em vez de os erradicar. Acontecia quando as castas, após terem acertado o alvo, continuavam a pulsar com energia após isso.
    • Manipulação de Trajetória: Como Morte, Gambit também parecia ser capaz de Death guiar estas carta carregados até o seu alvo mentalmente.
  • Resistência Psíquica Reforçada: Como Morte, Gambit não era afetado por manipulações psíquicas que normalmente afetariam ele. Quando sua personalidade Morte ressurgiu, Remy não era mais enganado ou distraído pela distorções telepáticos de Input.
  • Corrupção: Quando reverteu para Morte no Limbo, Gambit demonstrou a habilidade de corromper outras criaturas e subvertê-las à sua vontade. Quando usado em Estrela Polar e Cristal, eles começaram a ficar parecido com ele, ganhando uma pele negra e cabelos brancos.
Antigos PoderesEditar

Controle Cinético Total': Gambit recebeu temporariamente o uso de seu potencial para combater a sua contraparte Novo Filho. Em seu poder total, Gambit podia controlar todos os aspectos da energia cinética, até mesmo em nível molecular, o que lhe permitia disparar rajadas de energia, desafiar a gravidade, curar ferimentos, carregar objetos dentro de sua linha de visão sem contato, além disso ele podia carregar matéria orgânica, a explodindo apenas por pensar nisso, e podia efetivamente existir como energia. Ele também podia manipular a potência da liberação de energia. Ele tinha o poder necessário para fazer com que outro ser fosse incapaz de se mover ou incapaz de parar, caso estivesse em movimento. Ele foi capaz de causar ou simular várias energias, manipulando a energia cinética presente, como o infravermelho e as microondas, aumentando a agitação molecular, ou o frio, ao reduzi-las.

  • Explosões Temporizadas: Embora as energizações de Gambit normalmente tem um pouco de um atraso antes da reação em cadeia entrar em estado crítico, em um ponto, seus poderes podiam atrasar as explosões por minutos e até mesmo horas.

Precognição: Gambit foi temporariamente cegado devido a uma carta em sua mão ser atingida e explodir. Durante este período, ele foi capaz de "ver" as imagens em suas cartas. Considerando que ele conheceu uma pessoa com uma capacidade semelhante, talvez isso foi uma habilidade aprendida, em vez de uma peculiaridade de seus poderes mutantes.

HabilidadesEditar

Bilíngue: Ele é fluente em Inglês e Francês Cajun. Ele também sabe um pouco de Japonês (não é muito fluente).

Exímio Atirador: Ele é extremamente hábil em arremessar objetos pequenos, tais como cartas, boleadeira, facas e bolas com grande precisão.

Mestre Combatente: Embora não esteja no mesmo nível que lutadores como o Capitão América, ele ainda é um ótimo lutador, muitas vezes utilizando artes marciais, luta de rua, e acrobacias. Ele é bem versado em Savate (boxe francês), e Bōjutsu, a arte de usar um bastão Bô. Nick Fury até mesmo se referiu a Gambit como "Um dos melhores lutadores corpo a corpo que eu já vi".

Mestre Ladrão

FraquezasEditar

Os poderes de Gambit não têm efeito sobre qualquer coisa, a menos que ele a toque. Os olhos de Gambit são extremamente sensíveis à luz.

Anteriormente Por algum tempo, ele era incapaz de controlar completamente seus poderes, e é por isso que ele fez Sinistro remover um pedaço de seu tronco cerebral. De acordo com o Capitão América, os poderes de Gambit não podem afetar os seres orgânicos, embora isso seja discutível.

Nível de ForçaEditar

Gambit é um mutante que possui a força humana normal de um homem de sua idade, altura e físico que prática exercício físico regularmente.

PERSONALIDADE E APARÊNCIA Editar

Personalidade Editar

  • Galanteador, Trapaceiro, gosta de jogos de azar.
  • Cultura Cajun
  • Ex-fumante
  • Cartas favoritas: Coringa e Ás de Espadas (A Carta da Morte)
  • Religiosiosidade: Assim como a grande parte da Louisiana, possui um amalgama religioso-cultural envolvendo catolicismo, folclore Cajun e influência vodu, já demonstrou ser um conhecedor do catolicismo porém não o seguia e não possuía fé, durante sua trajetória nos quadrinhos passou a acreditar em Deus.
  • Fã de Buffy, Star Trek, do cantor Hugh Boynton e do artista M.C. Escher.

Aparência Editar

  • Cabelos castanhos vermelhados, olhos negros com íris vermelhas, brilho vermelho nos olhos ao usar seu poder.
  • Porte físico atlético.
  • Uma pinta em um local mais intimo (segundo Belladona, não revelado aonde)
  • Como cavaleiro do Apocalipse: pele preta e longo cabelo prateado

NOTAS Editar

  • Na edição #1 de 1991 dos X-Men por Jim Lee, Gambit foi referido como um Acadiano, insinuando que ele é um descendente dos colonizadores franceses do século XVII originais que se estabeleceram na Acádia. Como um fato, os descendentes Cajun da Louisiana falam na maior parte Inglês, mas alguns ainda falam Francês Cajun, um dialeto francês diversificado na Louisiana.
  • Gambit teve um pedaço de seu tronco cerebral removido no tempo presente, mas o teve re-implantado na era Vitoriana da Inglaterra, o que resultou em um paradoxo pré-destino para seu cirurgião, o Senhor Sinistro -- enquanto recolocava a matéria cerebral no século 19, Essex reconheceu o seu próprio trabalho e percebeu que ele iria realizar a cirurgia que originalmente removoveu a matéria cerebral em algum momento de seu futuro, mas no passado de Gambit.
  • Gambit carrega o Cartão de Identidade dos Vingadores de Clint Barton, o qual ele pegou em V + X 3.
CuriosidadesEditar
  • Ele é um dos poucos personagens principais nativos cujo diálogo é regularmente escrito em uma forma diferente do 'Inglês padrão'.

LINKS Editar

REFERÊNCIASEditar

Notas de RodapéEditar